sexta-feira, 25 de abril de 2014

Quando começa a adoração?

     Ontem eu estava lendo II Crônicas capítulo 5. Se puder, leia. A passagem fala sobre a "inauguração" do templo de Salomão.
"E aconteceu que, quando eles uniformemente tocavam as trombetas, e cantavam, para fazerem ouvir uma só voz, bendizendo e louvando ao Senhor; e levantando eles a voz com trombetas, címbalos, e outros instrumentos musicais, e louvando ao Senhor, dizendo: Porque ele é bom, porque a sua benignidade dura para sempre, então a casa se encheu de uma nuvem, a saber, a casa do Senhor; E os sacerdotes não podiam permanecer em pé, para ministrar, por causa da nuvem; porque a glória do Senhor encheu a casa de Deus" (II Cr 5.13-14).
     Fiquei pensando, quantas vezes queremos ver milagres,, queremos ouvir o Senhor falar em nossos cultos, queremos ver pessoas transformadas, impactadas pelo Senhor. Mas como estão nossos "sacerdotes"? Como estão nossos "levitas"? Sei que estes termos são do Antigo Testamento e muitos rituais já não são necessários. Porém, vamos nos ater aos princípios espirituais.
     O que levou a glória de Deus a se manifestar naquele lugar? Pensei brevemente em algumas coisas:

1. Eles obedeceram. A arca foi levada pelos levitas, do jeito que Deus determinara em sua Lei, diferente de como Davi fizera antes, quando fez com que a arca da aliança do Senhor fosse levada em carros de bois. Então, eles estavam pautados na Palavra.

2. Eles sacrificaram. Os animais sendo sacrificados, em si, não perdoavam nenhum pecado, mas eles apontavam para Cristo na cruz, o precioso sangue que nos purifica de todo pecado. Então, eles foram perdoados, estavam em paz com Deus, pois estavam sob o sangue de Cristo (sim, mesmo no Antigo Testamento, pois, como diz em Apocalipse 13.8, Cristo foi morto antes da fundação do mundo).

3. Em II Crônicas também lemos que os sacerdotes se santificaram, ou seja, se separaram. Há coisas que não são pecado, mas que desviam nossa atenção do Senhor. Penso que é como o autor aos Hebreus fala no capítulo 12.1, para deixarmos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia, para corrermos com paciência a carreira que nos está proposta. Creio que existe o pecado e existe o embaraço (ou peso em outras versões), aquilo que é desnecessário, mesmo não sendo pecado; que rouba nosso tempo com o Senhor. É peso, vai nos cansar muito na hora de correr. Destas coisas, é bom também nos separarmos, ou seja, nos santificarmos ao Senhor, atentarmos à sua voz, buscá-lo com qualidade!

4. Por fim, eles louvaram. Então a glória do Senhor se manifestou. Enquanto acharmos que a adoração começa apenas na hora do culto, não veremos tudo o que queremos de Deus. O louvor é apenas reflexo da adoração que já começou antes na nossa vida. Atenção, líderes de louvor, instrumentistas, vocalistas, pastores etc, quando começa a sua adoração? Na hora do culto? Você O busca durante a semana, na sua vida?

     Creio que quando nosso coração está realmente no Senhor, quando o louvarmos Ele estará ali para agir, Ele estará ali para curar, consolar, libertar, salvar. Vamos buscá-lO?

Nenhum comentário: